Exames

BIÓPSIA OU PUNÇÃO



Indicadas para diagnóstico de Azoospermia Obstrutiva (quando há produção de espermatozoides, mas o trajeto de ejaculação é obstruído) ou Azoospermia Secretora (quadro em que não há produção de espermatozoides). Nesses casos a captação dos espermatozoides pode ser realizada por meio de dois procedimentos:

Punção diretamente do Epidídimo (PESA) ou dos Testículos (TESA): realizadas em ambiente hospitalar ou semi-hospitalar, com anestesia local ou sedação. O material coletado é encaminhado para o Laboratório Vidas para processamento, análise e verificação da sua viabilidade para uso na Reprodução Assistida. O benefício desses procedimentos é que, se viáveis, os espermatozoides poderão ser imediatamente utilizados na Fertilização in vitro ou ainda criopreservados para uso posterior.

Microtese: consiste na captação microcirúrgica de espermatozoides. É realizada em ambiente hospitalar com anestesia peridural. Utiliza a microscopia de alta resolução para a retirada de fragmentos do testículo. Esse procedimento potencializa as chances de se obterem espermatozoides.